Muhammad Yunus

Muhammad Yunus, ganhador do Prêmio Nobel da Paz em 2006, é o pai do microcrédito e dos negócios sociais. É o fundador do Grameen Bank e de outras 50 empresas em Bangladesh, a maior parte delas como negócios sociais. Foi escolhido pela Wharton School of Business como uma das “As 25 Pessoas Mais Influentes de negócios dos últimos 25 anos”. Asiaweek (Hong Kong) o selecionou como um dos Vinte Grande Asiáticos (1975 – 1995). Ele já recebeu 112 prêmios de 26 países, incluindo honras de Estado de 10 países. Outros prêmios notáveis incluem, o Prêmio Ramon Magsaysay (1984), World Food Prize (1994), Simon Bolivar International Prize (1996), Sydney Peace Prize (1998), o Prêmio Príncipe de Astúrias da Concórdia (1998). Em 2006, lhe foi atribuído conjuntamente ao Grameen Bank o Prêmio Nobel da Paz e no mesmo ano pela revista Time foi apontado como um dos 12 maiores líderes empresariais em “60 anos de Heróis asiáticos”. Em 2008, em uma votação online aberta, Yunus foi eleito o segundo lugar na lista dos Top 100 intelectuais do mundo pela revista britânica Prospect em parceria com a Foreign Policy (Estados Unidos). Em 2010, foi listando pela revista inglesa The New Statesman como um das “50 figuras mais influentes do mundo”.

Habilidades

Postado em

22 de julho de 2019